+ Isa Land: Julho 2006

Isa Land

"Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocarmos nela, corre por nossa conta." (Chico Xavier)

A minha fotografia
Nome:
Localização: lisboa, Portugal

Uma mulher com muitas virtudes e alguns defeitos. Bem disposta por natureza... mas se me irritam muito... saiam debaixo. Vou aonde o coração me levar... Sou sportinguista... Enfim boa pessoa!!!

quinta-feira, julho 27, 2006

Férias!!!

Finalmente chegou um dos dias mais esperados do ano!!! Vou de férias!!! Vou esquecer o trabalho, a secretária, o computador. Vou esquecer que há gente chata, aborrecida. Vou esquecer o trânsito infernal da 2ª circular. Vou esquecer a dificuldade em estacionar. Vou esquecer a poluição. Vou esquecer a cidade!!! Saiem do baú os calções, os ganchos do cabelo e os chinelos! Abaixo o relógio! Viva a descontracção! Viva a companhia dos que amo! Adeus às obrigações sociais! Viva não ter que falar e sorrir quando não me apetece! Viva a renovação do espirito! Vou ter saudades de alguns amigos/as, mas esses levo-os comigo no coração.
Até 15 de Agosto.
Isabel

Obrigado

Passaram pelo meu blog 3.000 pessoas. Só posso dizer que deixei sempre falar o coração. Umas vezes com mais alegria, outras com menos. Foi um longo caminho que trilhei, nunca pensei em tal aventura! Continuem a entrar, mexam, remexam. É vosso!
Muito obrigado pelo vosso carinho.
Isabel

Sapos...


"Antes de encontrar seu príncipe encantado, terá que beijar muitos sapos..."

Amor

"Quando não se ama demais, não se ama o suficiente"
Bussy-Rabutin

Uma pergunta...

quarta-feira, julho 26, 2006

Prece


"Que aqueles que nos amam...
Nos amem...E os que não nos amam
Que Deus mude seus corações;
E, se ele não mudar seus corações...
que ele torça seus tornozelos...
Para que os reconheçamos ,
porque mancam."
Desculpem , mas uma vez mais não resisiti a uma maldadezinha... rsrsrsrsrsr, beijos

segunda-feira, julho 24, 2006

Encanto

Desejaria ter uma vida
bastante longa,
não que eu tenha medo
da última viagem,
mas porque me encanto
com a vida,
e o jardim da minha existência.
Obrigado Senhor,
pelas flores que perfumam.
Pela natureza que encanta.
Pelo brilho do sol
E o encanto da lua.
Rayma Lima

Meu pensamento voa

Não sei porque às vezes, sinto um imenso
vazio na alma, que me faz chorar...
Sinto saudades, não sei de que ou de quem
Só a certeza de que falta alguma coisa
para me completar.
Então meu pensamento voa ... voa ...
e neste devaneio encontro com você,
alma gêmea de minha alma,
que também está a me procurar.
Quisera ter a capacidade de definir, pois,
pressinto que alguém em qualquer lugar
deste mundo sinta o que estou sentindo.
Estamos juntos na imensidão do
espaço, amamos, ficamos felizes,
mas, de repente, tudo acaba, e
resta apenas a esperança de um
dia te encontrar novamente,
trazendo de volta, o sonho de
amar, viver e recomeçar ...

Rayma Lima

Pensamento

...que tenha você no olhar
o encantamento da vida
...que tenha você no coração
a plenitude do amor,
e acredite na grandeza de Deus,
no destino do mundo,
na beleza da vida,
nos sonhos e na esperança.
Jorge R. Nascimento

Tentação

Mais um dia acabado, enfim... Que fazer? Como habitualmente, ir para casa. Mas hoje... Qualquer coisa me diz que vou terminar a noite de maneira diferente. Impossível! Diferente em quê? Deixo-me de pensamentos loucos e vou para casa. Acendo o rádio do carro. Dá o trânsito. Tudo entupido... Vou tentar desviar por aquele atalho, que penso, só eu conhecer, ai que engano... Também trânsito parado. Olho para o lado e reparo num néon: Bar. E porquê não? Pisca para a direita e estaciono. Reparo nas horas: 20h30, boa hora para um aperitivo. Meio sem graça, empurro a porta. Quase vazio.. Vou para o canto. Pouca luz. Agrada-me, isto não faz minimamente o meu estilo de vida. Meu Deus cheguei até aqui, agora que peço, que faço? Eu nem sequer bebo... Devia estar louca, quando resolvi parar e entrar... Sem jeito: um café, por favor... O barman olhou-me fixamente... Vou fugir!!! Meus olhos habituaram-se à pouca luz. Hum, o café até tem um sabor óptimo. De soslaio, reparo em alguém que caminha direito a mim. Pensei: deve ir wc, mas não, não é aqui o wc! Um buraquinho no chão, por favor Deus. Um sorriso. Não havia ninguém à esquerda, ninguém à direita, Só podia ser para mim... Engasguei-me! Que figura tola... Vi uns belos dentes a sorrir e dizer boa noite. Acho que gaguejei... Bem que tinha adivinhado que seria uma noite diferente...
isabel

domingo, julho 23, 2006

Se sou feliz?


Alguém me perguntou, aqui no blog, se sou feliz. Ando para responder dia após dia... Escrevo, leio, rasgo! Hoje sai...
Se ser feliz é acreditar em mim própria e não me importar com o que os outros dizem ou disseram sobre mim; se ser feliz é olhar no espelho e gostar dos primeiros sinais de rugas, de cabelos brancos; se ser feliz é aceitar sem demasiada revolta a vida que Deus me destinou; se ser feliz é gostar de estar no meu cantinho sossegada e ser comum à maioria das mulheres simples e honestas,
então sou feliz, sim!
E isso faz-me ser especial! Na minha solidão encontrei-me, conheci-me!
E não são todas as mulheres que se conheçem a si próprias.
Eu sou especial, sim...
Isabel

Cocktail

Uvas, maçãs, morangos, bananas, ananás,
Fazem um bom sumo de frutas.
Verde, amarelo, azul, roxo, vermelho,
Fazem um belo arco-iris.
Letras, palavras, paragrafos, frases,
Fazem textos.
Minutos, horas, dias, meses,
Fazem anos.
Nada tem a ver com nada,
E tudo tem a ver com tudo...
Afinal os frutos têm côr,
Côr tem o arco-iris,
Arco-iris são letras.
Os Anos? Onde se encaixam?
Os anos... Bom, esses vão passando!
Isabel

quarta-feira, julho 19, 2006

Perdão!!!!!


"Senhor, se não puder fazer com que eu emagreça, faça com que todas as minhas amigas engordem. Amém."

terça-feira, julho 18, 2006

O Mundo é Grande

O mundo é grande e cabe
nesta janela sobre o mar.
O mar é grande e cabe
na cama e no colchão de amar.
O amor é grande e cabe
no breve espaço de beijar.
Carlos D. Andrade

Pontes da Vida

Ninguém pode construir em teu lugar
as pontes que precisarás passar,
para atravessar o rio da vida
Ninguém, excepto tu, só tu.
Existem, por certo, atalhos inúmeros,
e pontes, e semideusses que se oferecerão
para levar-te além do rio
mas isso te custaria a tua própria pessoa;
tu te hipotecarias e te perderias.
Existe no mundo um único caminho
por onde só tu podes passar.
Onde leva? Não perguntes, segue-o...

Nietzsche

Amei!!!!

A melhor definição de amigo! Deixou-me encantada. "Bigado" ao miguinho que ma enviou. Amei!!!

Um Olhar

É um velho ditado popular, mas não tão realista como parece. Quantas pessoas conseguem simular o que não sente, o que não pensam, o que não querem? Vão dizer-me que sou desconfiada.... Mas pensem um pouco. Quem nunca foi enganado por um olhar? Hum... pois, bem me parecia! E até há quem tenha olhos inexpressivos, frios... Eu prefiro aguardar e ver...
Isabel

segunda-feira, julho 17, 2006

Micos

Vou ter saudades tuas. Foste um amigo com quem contei e sei que posso contar. Aturaste-me em muitas horas. Precisava falar e tu ouvias... Mesmo dizendo asneiras, nunca me incriminas-te... Pelo contrário sempre mostraste um sorriso. Dizias: deixa lá, não vale a pena... Desculpa se alguma vez te magoei com alguma atitude ou palavras menos correctas... Sei que a distância afasta as pessoas (por muito que se diga que não). Lá se vão as nossas conversas... És o amigo que todos gostariam de ter. Eu tive o privilégio de te conhecer. Quando precisares de mim, estarei aqui. O que te posso desejar? Que não tenhas muitas pedras no teu caminho e que encontres a tua felicidade. Vou ter saudades tuas "miúdo"... Beijos
Isabel

domingo, julho 16, 2006

Súplica


Agora que o silêncio é um mar sem ondas,
E que nele posso navegar sem rumo,
Não respondas
Às urgentes perguntas
Que te fiz.
Deixa-me ser feliz Assim,
Já tão longe de ti como de mim.
Perde-se a vida a desejá-la tanto.
Só soubemos sofrer, enquanto
O nosso amor Durou.
Mas o tempo passou,
Há calmaria...
Não perturbes a paz que me foi dada.
Ouvir de novo a tua voz seria
Matar a sede com água salgada.
Miguel Torga

Dedicado à Pantufa

Percorrendo a net, ao acaso, dei com os olhos neste postal. Fiquei deliciada. E não é que tem a sua lógica? Olha, Nocas, trouxeste à minha vida muito mais côr, mais serenidade, saber ceder... (por exemplo, primeiro venho contigo à rua para as tuas necessidades e depois tomo eu o pequeno almoço). Deste-me o maior exemplo de amor: ao dar-te um raspanete ou uma palmadita, vinhas lamber-me as mãos. Sublime.... Ensinaste-me a amar incondicionalmente. Ensinaste-me que o que se ama defende-se com unhas e dentes, no teu caso, não deixares aproximar estranhos... Ensinaste-me a saber desconfiar, porque afinal, nem toda a gente é boa pessoa! E tu tens um faro... Deste-me exemplos de humildade, dedicação, amor e partilha.

Bem hajas Pantufa.

Isabel

Um dia...

Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem. Você não só não esquece a outra pessoa, como pensa muito mais nela... Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável... Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples... Um dia percebemos que o comum não nos atrai... Um dia saberemos que ser classificado como o "bonzinho" não é bom... Um dia perceberemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em voçê... Um dia saberemos a importância da frase: "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas"... Um dia perceberemos que somos muito importantes para alguém mas não damos por isso... Um dia perceberemos como aquele amigo faz falta, mas aí já é tarde demais... Enfim... Um dia descobrimos que apesar de viver quase 100 anos, esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para dizer tudo o que tem de ser dito... O jeito é: Ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras... Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação...

Mário Quintana

Se tu me amas

Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em a paz a mim!
Se me queres, enfim,
Tem de ser bem devagarinho,
Que a vida é breve
E o amor mais breve ainda...
Mário Quintana

sábado, julho 15, 2006

Não Ligue...

sexta-feira, julho 14, 2006

Calor...


Que Calor. Não aguento. A testa está inundada de suor. O corpo pegajoso. O vento não corre, nem uma palha mexe. Todas as portas da casa estão abertas, mas nem corrente de ar faz. Complica comigo. Já não consigo racicionar... Vou abrir a porta do frigorifico e arejar... A ventoinha não produz efeito nenhum. O ar está quase irrespirável. Que posso fazer para me refrescar? Deitar na banheira e pôr gelo, muito gelo. Mas depois queimava a pele... Que os dias mais frescos e uma brisa suave arrefeçam rápidamente o meu quarto... Que o fresquinho venha depressa... Pode mesmo vir o inverno...
Isabel

Amor em Capitulos. Parte II

Um dos grandes problemas do Amor hoje em dia é a falta de atenção para com o companheiro/a. Não lhes dedicamos o tempo necessário e merecido. O amor não subsiste sem atenção, sem carinho, tal como o corpo não vive sem água. O que custa, um gesto dedicado, uma palavra meiga, um olhar ternurento, um beijinho mesmo que seja de raspão, na face? É de pequenos "nadas" que o amor resiste contra os "ventos e marés" que passam no nosso quotidiano. A vida profissional, por vezes tão activa, o dia a dia tão stressante, fazem-nos chegar a casa e não querer partilhar o espaço com mais ninguém. Sentar no sofá e esquecer o mundo lá fora. Mas meus amigos não é assim que se renova uma vivência a dois. Vamos dar atenção aos que nos são queridos! Levá-los com as nossas acções a perceberem o quanto os amamos e o quanto fazem parte da nossa vida. Regar uma planta é não deixá-la morrer. Darmos atenção ao nosso amor é perpetuá-lo.
Dediquem-se e sejam felizes!
Isabel

quinta-feira, julho 13, 2006

Alegria no meu bloguinho

Já sei! Já sei! Estava escurinho o meu bloguinho... Prontos amigos/as. Não reclamem mais. Aqui está côr, alegria. É verão (eu prefiro o inverno) Está uma noite maravilhosa, quente, como poucas (prefiro o frio)... Amanhã é véspera de fim de semana, praia, sol, picnic's (para mim ainda faltam 5 dias para ir de folga, é ar condicionado e uma sandes ao almoço) E querem que esteja satisfeita??? Ok, não quero ser desmancha prazeres. Tomem lá balões coloridos, já que ando p'ro escurinho.... Por falar nisso, lembram da música de Rita Lee: No escurinho do cinema...pegando doces de anis... Não lembro o resto... Xi... Por falar nisso à quanto tempo não vou ao cinema? Se dizer não acreditam.... Mas vou confessar... Não, não confesso porque não me lembro mesmo! Ai isto está mau... Não digo mais nada, só sai disparate mesmo.... Tomem lá balões! Há alguma canção assim? Acho que não... Mas se alguém conhecer, miiii digaaaa....
Jinhos e abracinhos a todos/as
Isabel

Espelho da vida

Olhar para trás
Sem querer olhar
Sem se perder no passado
Eu me vejo em espelho errado
Roubaram minha imagem
Perdi meu reflexo
Em outros espelhos
Fiquei com a sombra
Da moldura
Certa amargura
De viver desvivendo.

Iana Letícia

Castelo de Sonhos

Em um castelo de sonhos, sonhei.
Tola fui, acreditei
que neste castelo havia um rei
um príncipe...
Não sei,
que poderia
realizar meu desejo,
me acordar
com um beijo,
aparecer neste
sonho sonhado
me trazendo à realidade
para viver
um amor de verdade...
Yara Farias
em Laurapoesias

O Tempo passa

O tempo passa.
Fazemos um balanço.
De um lado, tudo que vivemos...
Do outro, o que gostaríamos de ter vivido...
A balança pende...
Fico parada olhando...
Mudar agora?
Talvez!
Será preciso?
Não sei...
Reuno tudo...
Bagagens de uma vida...
Tudo que gostaria, e tudo que tenho...
E continuo a caminhada...
Querendo sem querer...

Amy em Laurapoesias


Lago da minha Alma

Gotas contam o tempo
Quebram o silêncio da noite
E quando caem
Agitam as águas tranquilas
Do lago da minha alma
Sou eu essas gotas
Rompendo meu silêncio
E me desprendendo
Das horas tranquilas do tempo
Das águas calmas do lago.

Iana Letícia

quarta-feira, julho 12, 2006

O mundo não pára

O mundo avança, sem dó nem piedade de ninguém. Inúmeras vezes eu fiquei para trás porque não entendi. Não entendi o porquê disto ou daquilo. Não entendi certos sentimentos, certas reacções, maneiras de ser. Ingénua? Até serei, para a minha idade e para certas situações. Será que deveria ser mais ambiciosa na vida? Um amigo gosta de me chamar tolinha, ah, meu caro, como tens razão! (Já agora um beijo para ti!) Como eu gostaria de pôr um penso rápido em certas feridas e assim cicatrizá-las rápido. Mas últimamente dou por mim, a moer, remoer os pensamentos mais intimos... Até que ponto tenho razão quando me revolta a indiferença dos humanos? Que raça esta... Tenho que pensar mais em mim como diz a minha mamã... Obrigado aos meus amigos/as que estão a meu lado para limparem as minhas lágrimas, quando meu coraçãozito tá partido com a maldade das pessoas.
Isabel

Odeio gente falsa

E bem se podem afogar... Odeio gente mentirosa, falsa, hipocrita, cínica, gente que gosta de fazer os outros parvos. Gente sem escrúpulos, que gosta de falar no nome dos outros, quando estes não estão presentes. Gente baixa, ruim, sem amor próprio, que gostam de se meter onde não são chamadas... Gente coscuvilheira, interesseira... Gente invejosa! Gente armada em santa, com a mania de coitadinha, que só ela tem problemas na vida. Tanta esperteza para tão pouca sabedoria... Se eu tivesse poderes irradiava da face da terra pessoas assim. Deus dai-me paciência, porque se me dás força, não sei não, ainda veêm o peso da minha mão! Ajuda-me Senhor a saber lidar com este tipo mesquinho de gente, please....
Isabel

Consciência

sábado, julho 08, 2006

Acabou o sonho...


E pronto, lá se acabou o sonho... Perdemos frente à Alemanha por 3-1. Para mim como em tudo, não interessa 4ºs ou 3ºs ou mesmo 2ºs lugares. Ou se perde ou se ganha. E nós perdemos... Bolas! Estou desiludida!!! Orgulho-me do meu País da minha bandeira, mas esperava mais da minha Selecção! É duro perder assim... Senhores deste Mundial: Ricardo, Figo, Maniche, Ronaldo! Deco quase que passaste ao lado, nem demos por ti... Pauleta, onde andas tu??? Mas acaba-se um ciclo e brevemente começará outro: Euro 2008. A minha Bandeira continuará na varanda...
Isabel

Sonhos de uma noite Verão

Há quem diga
que todas as noites são de sonhos.
Mas há também quem diga nem todas,
Só as de verão.
Mas no fundo isso não tem muita importância.
O que interessa mesmo não são as noites em si,
São os sonhos.
Sonhos que o homem sonha sempre.
Em todos os lugares,
Em todas as épocas do ano,
dormindo ou acordado

(William Shakespeare)

sexta-feira, julho 07, 2006

Meu Pecado Favorito

Estou perdido de amores por ti,
mas ainda nem senti teu corpo,
nem provei teu beijo,
apenas tua imagem em meus desejos,
segue tua silhueta no horizonte.
Tu és o fogo que em minhas veias incendeia,
a luz que aos meus passos, ilumina,
seduz e alucina;
meu doce perigo.
És como uma canção,
ao vento, imaginária,
dissipando a solidão.
Como uma cascata de águas cálidas,
seguindo seu curso lentamente.
És meu fruto proibido,
o jardim onde não posso entrar,
és o meu sonho escondido,
que a realidade vai mostrar,
és o meu pecado favorito.
Daniel Fiuza

Falar de Amor

Falar de amor
É como lamber nos dedos,
O chocolate derretido
No calor da boca;
Fechar os olhos
E desejar mais...
Falar de amor
É arrancar um grito
De emoção e surpresa
Daquele a quem se ama
E venerar as coisas
Simples do dia-a-dia...
Falar de amor
É ver no sonho
A possibilidade de realização
E com ela sonhar mais e mais,
Sem, contudo, desistir,
Ao acordar e nada ver...
Falar de amor
É crer na vida, na poesia,
Fazer laços de vento,
Travar arribações;
Sorver a luz do sol,
E deixar pulsar o coração...
Falar de amor
É não dizer nada, ao telefone,
Apenas respirar
Num só compasso
E do outro lado sentir
"Quase" o perfume...
Falar de amor
É ver, nas nuvens, um rosto
A desfazer-se em chuvas,
Que dão vida à natureza
Envolvendo-a no frescor
Do orvalho que amanhece...
Falar de amor
É sentir,
No dia que nasce,
Toda a energia
Do universo infinito
E roubá-la, ao inspirar...
Falar de amor
É crer na beleza:
Do mundo,
Das coisas,
Dos sonhos
E ser belo também!
Falar de amor
É ser feliz
Na certeza,
Ainda que breve,
De um doce momento
De felicidade!

Milene Arder

Na vida...

Os males que me fizeram,
Perdoei...
Não odiei meus inimigos,
Abençoei.
Das armadilhas que montaram,
Escapei,
No pouco espaço que mostraram,
Vivi.
As esmolas que me deram,
Aceitei,
Os conselhos que falaram,
Esqueci.
As ordens que impuseram,
Obedeci,
Quando riram de mim,
Ignorei,
Quando cantaram pra mim,
Escutei,
Quando pensaram que morri,
Escapei.
Sempre que eu viajei,
Voltei,
Os caminhos que apontaram,
Caminhei,
Nos pecados que cometi,
Penei.
As dores que sofri,
Chorei,
Meus amores no caminho,
Deixei,
Quando pediam para eu ficar,
Fugi.
Os sentimentos que ganhei,
Perdi,
Nos sofrimentos que passei,
Sorri,
Quando me mandaram embora,
Me achei,
Quando aprisionaram minha alma,
Desfaleci,
Quando encontrei você,
Amei.
Daniel Fiuza

Ciúmes

Queima-nos por dentro,corpo e alma
Deixa marcas fundas, cicatrizes
Rouba-nos o sono, a paz, a calma
Faz de nós farrapos, infelizes.
Da reles traição provar a dor
Continuar a amar, sem um queixume
Em troca do desprezo, dar amor
Sentir o ferro quente do ciúme.
Querer que o tempo passe, sem passar
Mudar a nossa vida num momento
Mostrar a felicidade, a chorar.
Pisar e recalcar o sofrimento
Renascer das cinzas, a cantar
Transformando em festa este lamento.

Von Breysky

Caminha a meu lado

O tempo

segunda-feira, julho 03, 2006

Sou o que Sou

domingo, julho 02, 2006

Alguém existe, em Algures

"Que me faça acreditar
Nos sonhos, e no futuro
Que a minha vida volte a brilhar
Quero esquecer o escuro
Evitar a solidão
Irradiar meus dias
Encontrar um coração
Os sonhos serão alegrias
Essa é a força da vida
Não me deixarei vencer
A tristeza foge
Voltarei acreditar
Em alguém, algures."

sábado, julho 01, 2006

Portugal

Portugal nas Meias Finais!!!!
Vitória frente à Inglaterra nos penalties (3-1)
Estamos entre os quatro Melhores do MUNDO!!!!
Portugal olé Portugal olé
Viva Portugal
Melhor jogador: RICARDO!!!
ÉS O MELHOR DOS MELHORES!!!